O Estranho Caso do Nacionalismo Português

O salazarimo entre a literatura e a política

Autor:   

 

 

 
Em 1940, depois de visitarem a Exposição do Mundo Português, dois minhotos trocavam impressões, quando um disse ao outro: «Agora já tu sabes o que é ser português!...» É provável que isto não se tenha passado assim, que nunca ninguém se tenha deixado despojar tão completamente da sua identidade, mas Augusto de Castro, o escritor e jornalista que contou a historia, achou-a verosímil. Naquele momento, o nacionalismo era o consenso mais evidente na sociedade portuguesa. Atribui-se normalmente este fenómeno à propaganda salazarista. Neste livro, pelo contrário, procura-se reconstituir o longo e complexo processo ideológico que conduziu àquele episódio: como a literatura e a cultura de massa construíram, desde finais do século XIX, a base simbólica do que viria a ser o salazarismo. O resultado foi uma representação do país donde desapareceu a realidade social mas onde muitos portugueses se reviram. Foi esse O Estranho Caso do Nacionalismo Português.

  • 349 pp.

Preço de Capa: €21.90
Nosso Preço: €19.71
Poupe: 10% menos

Adicionar ao Carrinho de Compras:

ISBN: 978-972-671-222-0
Publicado: 2008-11-01


Quem comprou este livro também comprou...




INSTITUTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS - UNIVERSIDADE DE LISBOA
Avenida Professor Aníbal de Bettencourt, 9 1600-189 LISBOA Telef: 217 804 700 - Fax: 217 940 274 Política de Privacidade